FYi Intercâmbios

(11) 94458-7878

High School

Você está em: Home » High School

Sobre o programa

O programa de High School é um dos mais tradicionais modelos de intercâmbio de adolescentes e os seus benefícios para a vida toda são indiscutíveis:
viver em um país estrangeiro, conviver com a família hospedeira ou a comunidade escolar, (no caso das escolas boardings) e também com a sociedade local, experimentar a vida como estudante regular e fazer amigos de diversas nacionalidades produz resultados que vão muito além do aprendizado da língua estrangeira. O maior objetivo de um programa de high school não é aprender o idioma. O aprendizado do idioma é uma das “consequências” do programa, é apenas um dos ganhos do programa.

Adquirir habilidade para ir e vir de qualquer lugar do mundo, conviver e transitar nas diferentes culturas, compreender perspectivas globais, além do amadurecimento pessoal e do desenvolvimento de autonomia para enfrentar obstáculos da vida cotidiana são alguns dos benefícios dessa experiência única.

O estudante não perde o tempo estudado no exterior, uma vez que a nossa lei de Diretrizes e Bases permite a revalidação do tempo estudado.
Se pode dizer, que o estudante volta diferente de um high school. Alguns estudantes relatam que o programa de high school deveria ser obrigatório: ou seja, todo mundo tem que fazer. Não existe o não fazer: ou você faz, ou se arrepende a vida toda por não ter feito

 

Quem pode participar?

  • adolescentes que tenham entre 14 e 18 anos;
  • que frequentam o ensino médio aqui no Brasil;
  • que tenham notas escolares razoáveis;
  • com espírito de aventura, maturidade e disciplina.

 

Etapas do programa High School

  • Entrevista: o estudante e seus pais poderão fazer uma entrevista sem compromisso, tirar todas as suas dúvidas e receber as informações sobre o programa. Esta entrevista pode ser feita por telefone, skype ou pessoalmente.
  • Seleção: o(a) estudante fará um teste de inglês/apresentará comprovantes de estudo na língua do país de destino, preencherá uma ficha de inscrição e responderá um questionário
  • Application: Se o(a) estudante for aprovado no teste e na entrevista, receberá um dossiê (application) para ser preenchido.
  • Essa documentação será preenchida com todas as informações sobre o(a) estudante, seus pais, sua escola, etc – esse dossiê será enviado para a organização/escola estrangeira e logo o(a) estudante saberá se foi aceito no programa.
  • Aceitação e colocação: Uma vez aceito, a organização dará início ao processo de colocação na família, inscrição na escola, documentação para visto, etc.
  • Preparação: O estudante e seus pais serão preparados e orientados passo-a-passo e progressivamente para que ambos tenham uma expectativa realista de como será o programa.
  • Embarque: Nesse dia você embarca devidamente preparado e orientado para começar seu intercâmbio.
  • Suporte: durante todo o seu programa, os coordenadores locais estarão à sua disposição. O intercambiário pode entrar em contato com eles, caso necessite. Também acompanharemos o programa aqui do Brasil, dando todo o suporte que os pais necessitarem.
  • Seu ano no exterior: logo, o(a) estudante estará com a sua família hospedeira, na nova escola, com os novos amigos, as aulas iniciam, os esportes e as várias atividades extracurriculares da escola também. Aí é só aproveitar o melhor ano (ou semestre) da sua vida.
  • De volta ao Brasil: no final do programa, o(a) estudante receberá toda a orientação de como convalidar suas notas e continuar seus estudos regularmente aqui no Brasil.

 

Escola Pública ou Particular

O estudante pode escolher entre estudar em uma escola pública ou particular.

Na escola pública, o ambiente tende a ser mais descontraído e o estudante terá a oportunidade de conviver com alunos locais. É bom para quem espera um maior contato com a cultura do país escolhido.

A escola particular oferece um ambiente mais seletivo, com menos alunos em sala de aula, e geralmente é dada grande ênfase à parte acadêmica e a preparação para ingresso nas melhores universidades, além de diversas opções de atividades sociais.

Se a prática de um determinado esporte é muito importante para o estudante, sugerimos que a escolha do país e da escola priorize esse critério. As escolas públicas geralmente não exigem uniforme, porém muitas têm um código de vestimenta que deve ser seguido. Nas escolas particulares o seu uso é, na maioria das vezes, obrigatório.

 

Currículo Escolar

Algumas escolas oferecem um currículo diferenciado e você poderá ver alguns termos que talvez não conheça ou até que lhe seja familiar, quando estiver olhando o material de high school.

 

International Baccalaureate Program (IB Program)

Oferecido em mais de 3 mil escolas e em mais de 135 países, o IB é um programa pré-universitário com duração de dois anos e oferecido para alunos entre 16 e 19 anos. Um conceito mais antigo do IB dizia que escolas IB seguem o mesmo conteúdo escolar em qualquer parte do mundo. E por conta disso, estudar numa escola IB no Brasil ou IB no exterior, significava não perder conteúdo programático. No entanto, atualmente, o que se diz é que o IB oferece um currículo internacional desafiante que enfatiza o pensamento crítico, a compreensão intercultural e a exposição a uma variedade de pontos de vista. O sistema de avaliação é bastante rigoroso, e os critérios são muito bem definidos. Nas escolas ao redor do mundo são aplicados os mesmos exames. Esses exames externos são complementados com uma avaliação interna feita pelos professores da escola.O sistema garante que os alunos tenham várias oportunidades para demonstrar o que aprenderam por meio de diferentes tipos de avaliações. Ao final, os alunos aprovados receberão o IB Diploma, amplamente conhecido, mundialmente aceito pelas melhores universidades do mundo por seu elevado nível de exigência e fiscalizado pela Organização do Bacharelado Internacional (IBO); www.ibo.org
Espera-se do candidato ao IB, proficiência na língua inglesa, motivação, disciplina e excelentes notas escolares.

 

Advanced Placement Program (AP Diploma)

Criado em 1955 pelo conselho dos “colleges” americanos na busca de uma avaliação unificada entre escolas secundárias e educação de nível superior. Basicamente, quando numa escola, alunos que se destacam em determinadas matérias, a escola decide por criar a classe AP daquela matéria e esses alunos são coordenados por um professor. Os alunos cursam matérias em níveis avançados de estudo obtendo créditos que se sobressaem nos processos de admissão em colleges/universidades. As aulas têm foco em discussões, resoluções de problemas em grupos, hábitos de estudo, disciplina e técnicas para dissertações claras e persuasivas, auxiliando o aluno a desenvolver os conhecimentos e as habilidades necessárias para o sucesso na continuação dos seus estudos.

 

 

Últimas do Blog

Acesse o Blog

Tolerância

Aos 16 anos, eu embarquei na maior aventura da minha vida. Talvez nenhuma outra seja comparável...

Leia o post completo

3 dicas para combater o Jet Lag

Viajar para destinos com o fuso horário diferente de onde estamos acostumados, pode causar o chamado...

Leia o post completo

High School na Inglaterra

O maior país do Reino Unido é o terceiro principal destino dos alunos de High School,...

Leia o post completo